top of page

Provas Públicas de Doutoramento de Eduardo Reis



Eduardo Reis, estudante do Doutoramento em Psicologia, defenderá a sua tese intitulada "Intimate Partner Violence: Evaluation and development of campaigns tailored for victimized men". As provas públicas estão agendadas para o próximo dia 15 de dezembro, às 14:30, na sala B1.02 do Iscte-Instituto Universitário de Lisboa.



Resumo

A investigação sobre a violência nas relações íntimas (VRI) dirigida a homens em relações de sexo diferente e do mesmo sexo (RSD/MS) é escassa. Sabe-se que a sua procura de ajuda pode melhorar e que campanhas de VRI podem ser instrumentais neste processo, mas o seu impacto nestas populações é desconhecido. Este trabalho utilizou métodos mistos para compreender como facilitar a procura de ajuda em homens alvo de VRI em RSD/MS através de campanhas de VRI, recorrendo a modelos teóricos de mudança comportamental, perceção de riscos para a saúde e persuasão. Os resultados revelaram que estes homens experienciam diferentes tipos de violência significativa e possíveis conflitos com o seu papel de género. O desconhecimento sobre VRI e os serviços existentes são limitantes, e a promoção de normas sociais sobre linhas de apoio pode aumentar as intenções para procurar ajuda. As campanhas podem auxiliar neste sentido, mas os homens entrevistados não têm conhecimento das campanhas em Portugal. Também expressam a necessidade de representar “homens reais” e de evitar o termo "vítima" em campanhas futuras. A eficácia das campanhas pode aumentar se forem integrados conceitos de modelos teóricos e se for realçada a procura de ajuda de outros homens nestas circunstâncias. Estes resultados visibilizam populações sub-representadas e como a sua procura de ajuda é condicionada e facilitada. Campanhas de VRI podem ser um dos meios para incentivar a procura de ajuda, mas investigação futura deve identificar conteúdos adequados sobre riscos para a saúde e representar diversos grupos de homens em RSD/MS.

59 visualizações

Comments


bottom of page