Logo CIS-IUL
PT | EN

Género, Sexualidades e Interseccionalidade

Esta área de investigação procura situar o género e as sexualidades em todos os níveis de análise, incluindo pesquisas sobre indivíduos, grupos e sociedades, recorrendo a uma variedade de metodologias (textuais, qualitativas e quantitativas). Esta diversidade permite criar um espaço criativo para a investigação que permite estimular o trabalho de estudantes e de investigadoras/es. Esta diversidade permite a ligação a várias redes de investigação nacionais e internacionais.

Trabalhamos em três áreas:


Género

Estas pesquisas analisam o lugar do género na estruturação da desigualdades sociais de várias maneiras, mas focamo-nos sobretudo no contexto do trabalho e nos estudos sobre as masculinidades. Um outro campo de investigação é o trabalho sobre prestação de cuidados de saúde, em particular a avaliação e o tratamento da dor, mostrando o papel do sexo e do género nestes processos.


Sexualidades

Esta área visa a produção de conhecimentos que mostrem como as sexualidades são construídas de acordo com as normas de heterossexualidade hegemónica, dentro de uma determinada ordem de género. Este campo do saber inclui estudos sobre homonormatividade e heteronormatividade, casamento entre pessoas do mesmo sexo, cidadania sexual, famílias queer e análises da discriminação e das micro-agressões baseadas na orientação sexual e nas expressões de género não normativas como é o caso da transfobia.


Interseccionalidade

Interseccionalidade é um conceito criado pela teoria feminista negra que se refere ao significado e às múltiplas categorias de pertença a grupos sociais (Cole, 2008). Esta perspectiva conceptualiza indivíduos e grupos em termos de uma matriz de privilégio/opressão. Assim é uma ferramenta analítica usada para entender o género e a sexualidade, dado que analisa o modo como estas são combinadas com outras pertenças sociais (tais como classe, idade, ‘raça’ e etnicidade) para produzir combinações específicas de privilégio e opressão, que fazem alguns posicionamentos interseccionais mais vulneráveis que outros.


Intervenção

Para além da investigação, temos trabalhado também no plano dos projetos de intervenção e das políticas públicas, cooperando alguns dos nossos membros com instituições como a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego, mas igualmente com ONG’s na área do género (UMAR, Universidade Feminista) e da sexualidade (ILGA Portugal). Temos trabalhado igualmente com formação e avaliação da formação na área da igualdade. No plano internacional, membros da linha trabalharam como consultores/as de diversos organismos da Comissão Europeia, da OCDE, da Flanders Research Foundation e da Pontíficia Universidade Católica do Perú. 

 As nossas áreas de especialização incluem: Género e Ciência; Cidadania Sexual; Estudos LGBT; Discriminação sexual e de género; Género e Saúde; Género e Dor; Género, interseccionalidade e saúde de mulheres lésbicas; Violência íntima contra pessoas LGBT; Género e profissões; Masculinidades; Teoria Queer e Teoria Feminista.

ebook gratuito para download Géneros e Sexualidades: Interseções e tangentes, editado por João Manuel de Oliveira e Lígia Amâncio.


 


Logo CIS-IUL
Edf. ISCTE-IUL, Sala 2w17
Av. das Forças Armadas
1649-026 Lisboa
Telefone: +351 210 464 017
Fax : +351 21 046 41 74
Email: cis@iscte.pt
CIS-IUL © 2019. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: webXperience